AO VIVO
Fechar
© 2022 - Rádio Progresso Todos direitos reservados

Grêmio vence o CSA e fica mais perto do retorno à Série A

Tricolor chegou a 56 pontos. Pela projeção do clube, faltam quatro para subir.

Por Rádio Progresso
Postado em 04 de outubro de 2022 às 21:00.00

Preservados na última rodada da Série B, os cascudos do Grêmio resolveram a partida contra o CSA. Com gols de Lucas Leiva e Diego Souza no primeiro tempo, o time de Renato Portaluppi venceu os alagoanos por 2 a 0, na noite desta terça-feira (4), na Arena, chegou aos 56 pontos e deu um passo importante rumo ao acesso à Série A. 

O Tricolor agora seca o Ituano, nesta quarta-feira (5), contra o Cruzeiro, para terminar a 33ª rodada da competição com sete pontos de vantagem para o quinto colocado. Até a conclusão do jogo no Mineirão, o Sport é o quinto lugar, 49 pontos. O Ituano pode chegar a 50.

A projeção atual indica que a classificação matemática pode ocorrer contra o Bahia, em casa, no dia 16, caso o Tricolor não tropece na próxima rodada contra o Londrina, no Estádio do Café, sábado (8).

Com a volta de Edílson, Geromel, Bruno Alves, Diogo Barbosa, Lucas Leiva e Diego Souza ao time titular, o Grêmio teve força máxima desde o ínicio do jogo contra o CSA. O adversário é que o optou por poupar forças e não trouxe a Porto Alegre seis jogadores. A única mudança de última hora para a partida foi no fardamento. O clube tinha a previsão de utilizar a nova camisa rosa, lançada em homenagem ao mês de conscientização sobre o câncer de mama, mas foi para o campo com o uniforme tradicional. A estreia do fardamento alternativo, segundo o presidente Romildo bolzan, será no jogo contra o Bahia no dia 16.

Dentro de campo, o Grêmio fez valer o maior interesse na partida. Se lançou ao ataque em busca do gol desde o primeiro minuto. Em jogada individual, Guilherme arriscou com perigo após receber no lado esquerdo do campo. No minuto seguinte, Diego Souza deu um toque por cima da marcação e encontrou Lucas Leiva livre na área. Mas o meio-campista preferiu tentar o passe e perdeu a chance de finalizar. 

Sem conseguir com a bola rolando, o Grêmio abriu o placar em lance ensaiado de cobrança de falta. Bitello combinou com Edílson, que recebeu o passe e fez o cruzamento para a área. O toque para o lateral surpreendeu a defesa do CSA, que estava posicionada na área para afastar a cobrança, e permitiu que Lucas Leiva aparecesse de surpresa entre os marcadores mal posicionados. Aos 12 minutos, o volante cabeceou sem chances para o goleiro adversário. 

A vantagem no placara tornou o CSA ainda mais suscetível às investidas do Grêmio. Sem ameaçar o gol de Brenno ou ter forças para conter a troca de passes gremistas, o time alagoano levou o segundo em um lance construído de pé em pé entre jogadores do Tricolor. Dos jogadores de linha, só Geromel e Guilherme não tocaram na bola desde a cobrança de falta feita por Bruno Alves no campo de defesa até o cruzamento preciso de Diogo Barbosa na linha de fundo para o cabeceio de Diego Souza, aos 19 minutos. 

Biel, aos 22, recebeu de Diego Souza na área e perdeu a chance de ampliar. O camisa 17 tabelou com o centroavante e recebeu no lado direito da área. Mas Marcelo Carné fez grande defesa no chute cruzado do atacante gremista e impediu o terceiro gol gremista no primeiro tempo. 

Com a vantagem no placar construída, o Grêmio caiu na armadilha do CSA. Apesar dos pedidos de Renato, os jogadores baixaram o ritmo dentro de campo e o rival passou a ter posse de bola. Mesmo sem situações claras de gol, os alagoanos terminaram a primeira etapa da partida cercando a área do Brenno em lançamentos e cruzamentos. 

O início do segundo tempo trouxe um possível problema para Renato Portaluppi montar o ataque nos últimos jogos da Série B. Diego Souza pediu substituição após reclamar de dores na panturrilha esquerda. O centroavante levou uma pancada no local em uma disputa de bola e iniciou tratamento ainda durante o jogo. 

A vantagem permitiu que Renato desse descanso para outros titulares. Muito aplaudido, Lucas Leiva deu lugar a Thaciano. Guilherme, no entanto, não recebeu o mesmo carinho dos menos de 14 mil torcedores na Arena. O atacante saiu sob vaias e Thiago Santos foi para campo.

As trocas devolveram o impeto ofensivo ao Grêmio. Com Biel pela esquerda, Bitello centralizado e Thaciano no lado direito, o Tricolor voltou a pressionar a defesa do CSA. Em uma combinação entre o trio nasceu a melhor chance de gol da segunda etapa. Thaciano recebeu cruzamento na área, mas sem o melhor ângulo para finalizar, acabou acertando o travessão aos 34.

Leonardo Gomes e Nicolas entraram nos lugares de Edílson e Biel, muito aplaudidos pelos torcedores. 

Com mais uma vitória na Arena, a projeção feita pelo clube é de que faltam quatro pontos para confirmar o acesso. A expectativa é de que o jogo do acesso aconteça dentro da Arena. A partida contra o Bahia, no dia 18, pode ser decisiva. Mas será necessário voltar do Paraná neste sábado, quando o Londrina será o adversário, com pontos.

Fotos:
Fonte: Gaucha ZH