AO VIVO
Fechar
© 2020 - Rádio Progresso Todos direitos reservados

Deputado Lima critica governo por desempregar 500 concursados

Por Rádio Progresso
Postado em 10 de dezembro de 2019 às 16:37.52

O líder do PSL, deputado Sargento Lima, ocupou a tribuna para disparar contra o governo do Estado que publicou edital convocando 500 dos 1.000 candidatos aprovados em concurso de ingresso na Polícia Militar de Santa Catarina, exigiu a exoneração para que fossem nomeados e, agora, cancelou os atos de ingresso.

O parlamentar fez um histórico do ato irresponsável do governo, enquanto centenas de aprovados ocuparam as galerias da Assembleia Legislativa (Alesc). Exibiram faixas em vermelho “500 aprovados desempregados” e “Sr. Governador, se não iria nos convocar agora, por que o edital exigiu pedir demissão? 500 desempregados por ordem do governo. Nomeação já”.

A convocação dos 500 aprovados deu-se por edital do governo estadual, com a condição de que comprovassem atos de exoneração no serviço público ou rescisão na carteira de trabalho até o dia 2 de dezembro. Ocorre que, no dia 29 de novembro, novo edital suspendeu a chamada dos 500 concursados, criando o impasse.

Segundo o deputado Sargento Lima os aprovados vieram de outras cidades e Estados, tiveram que comprar "kits" da Academia e estavam alugando imóveis em Florianópolis para o ingresso na PM, quando foram surpreendidos com a suspensão de tudo pelo governo.

Uma reunião de emergência está ocorrendo neste momento com o comandante geral da Policia Militar, coronel Araújo Gomes.

Fotos:
Fonte: NSC