AO VIVO
Fechar
© 2019 - Rádio Progresso Todos direitos reservados

Reforma da Previdência: INSS vê 'corrida' pela aposentadoria, e nega mais da metade dos pedidos

Presidente do INSS, Renato Vieira, aponta que muitos segurados estão fazendo o pedido de aposentadoria com medo de serem prejudicados pela reforma; "há fluxo maior de pedidos de pessoas que não têm direito", explicou ao G1.

Por Rádio Progresso
Postado em 09 de outubro de 2019 às 08:17.14

O receio de ser prejudicado pela reforma da Previdência tem feito muitos brasileiros correrem às agências do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Mas, ainda sem direito à aposentadoria, a maioria tem visto seus pedidos negados pela entidade.

Em entrevista, o presidente do INSS, Renato Vieira, explica que, por causa da reforma, é normal que as pessoas peçam aposentadoria mesmo sem ter direito — e obviamente o pedido será indeferido. Dados do INSS mostram que, em 2019, até o dia 25 de setembro, dos 1.613.541 pedidos de aposentadoria, 713.428 foram concedidos, ou seja, 55,8% foram recusados e 44,2% aprovados.

Vieira explica que muitos segurados estão fazendo o pedido de aposentadoria com medo de serem prejudicados, mas que ainda não têm direito de se aposentar.

Em agosto, procurado pelo G1, o INSS não quis relacionar a alta dos pedidos com a reforma da Previdência.

Segundo o presidente do INSS, há casos de pessoas que sabem que não têm direito e pedem achando que o INSS vai conceder mesmo assim ou fazem o pedido sem sequer saber se têm direito. Vieira recomenda aos segurados entrar na plataforma Meu INSS e fazer o simulador de aposentadoria. “Ali mostra se tem direito e quanto será o valor da aposentadoria”, explica.

A reforma da Previdência passou pelo Senado em primeiro turno. O segundo turno pode ocorrer ainda este mês.

Fonte: G1
Fotos: