07/08/2019 08:35 (atualizado em 07/08/2019 08:36)

Centro Cirúrgico do Hospital de Tunápolis está liberado para procedimentos Investimentos superam R$ 541 mil e Alvará Sanitário saiu na semana passada

OUVIR ÁUDIO DA MATÉRIA
Entrevista com o Presidente do Hospital de Tunápolis Vanduir Matias Deters
Novo Centro Cirúrgico do Hospital de Tunápolis.

A Centro Cirúrgico do Hospital de Tunápolis está apto para entrar em funcionamento. A entidade que atende pacientes de Tunápolis e Santa Helena, é referência regional no atendimento de saúde mental na ala de psiquiatria.

Fundado no ano de 1977 conta hoje com 27 funcionários. Conforme o presidente do hospital, Vanduir Matias Deters, o Centro Cirúrgico recebeu a fiscalização final da vigilância sanitária estadual e algumas alterações foram solicitadas. Segundo ele, as adequações foram feitas e agora o espaço está apto para iniciar os trabalhos.

Vanduir enfatiza que o valor investido na obra foi de aproximadamente R$ 542 mil. Desses R$ 55 mil, foram de contrapartida da entidade. “Os investimentos foram possíveis graças aos convênios junto ao Governo Federal através das emendas parlamentares. É necessário fazer jus ao papel do ex-presidente Alcides Hofer na articulação desses recursos. São investimentos significativos e que contaram, inclusive, com uma contrapartida do hospital para viabilizar a obra. Tudo foi feito dentro do que prevê a legislação. É uma obra bonita e com certeza vai trazer conforto para os pacientes e para os profissionais”, ressalta.

Deters ressalta ainda o trabalho realizado pelos funcionários da entidade na busca da concessão do alvará. “Desde que assumimos concentramos as nossas forças para que os ajustes necessários e as pendências fossem resolvidas para que a Vigilância Sanitária concedesse o Alvará, colocando o Centro Cirúrgico em funcionamento. Esse empenho é resultado do envolvimento dos funcionários que se dedicaram para resolver todos os entraves e atender os requisitos técnicos”, aponta.

Conforme o vice-prefeito e secretário de Saúde, Aquiles Bamberg, serão realizadas no centro cirúrgico cirurgias com grau de complexidade menor, como vasectomia, histerectomia, hérnias, ombro, cotovelo e túnel do carpo. Bamberg enfatiza que neste primeiro momento serão realizadas as operações de vasectomia, e que as demais cirurgias vão seguir uma ‘fila de espera’.

Bamberg lembra que existe hoje uma grande demanda por pequenas cirurgias, e que além de atender gratuitamente os pacientes com procedimentos no próprio município, o centro cirúrgico irá trazer um rendimento para a entidade, visto que atualmente o hospital se mantém de doações, repasses de auxílio das prefeituras de Tunápolis e Santa Helena, verbas estaduais e federais, internações do SUS, particular e convênios, promoções da comunidade em prol do hospital e rifas.

Conforme o secretário, cirurgias com grau de complexidade maior continuaram sendo feitas em centros cirúrgicos maiores, a exemplo do hospital regional de São Miguel do Oeste. Bamberg acredita que as cirurgias no novo centro cirúrgico também reduzem a demanda de pacientes na unidade de saúde.

Ouça no link no topo da matéria, a entrevista veiculada nas Rádios Tunaporã e Progresso.

Novo Centro Cirúrgico do Hospital de Tunápolis.
Novo Centro Cirúrgico do Hospital de Tunápolis.
Novo Centro Cirúrgico do Hospital de Tunápolis.

Veja fotos da matéria

Fonte: Jornal Força d'Oeste

Mais notícias