19/05/2017 15:28

Ação conjunta da PRF, Receita Federal e Polícia Civil apreende mais de cinco toneladas de maconha em SC

Mais de cinco toneladas de maconha foram encontradas escondidas no fundo de uma carga de milho. A apreensão ocorreu na madrugada de quinta-feira (18) e foi divulgada nesta sexta (19). A Polícia Civil estima que a droga apreendida totalize cinco toneladas e que seja "a maior apreensão já realizada em solo catarinense". O caminhoneiro foi preso em flagrante por tráfico.

A ação ocorreu na BR-101, em Garuva, no Norte catarinense, em uma ação conjunta entre a Polícia Civil, Receita Federal e Polícia Rodoviária Federal (PRF). O caminhão, uma carreta bitrem, tem placas de Palhoça. No fundo da carga de milho, foram encontrados 165 malotes de maconha, com peso entre 30 e 40 kg cada, segundo a PRF.

Imagens gravadas pela polícia mostram o momento em que o milho é descarregado e caem pacotes de maconha. Em algumas embalagens havia fotos de abacates. A polícia não soube detalhar o motivo.

O milho foi descarregado em Lauro Müller. Segundo a Polícia Civil, a pessoa que ia receber o milho não sabia da droga. Já a droga foi deixada na Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC), em Florianópolis, onde a pesagem oficial da droga deve ser feita na tarde desta sexta. A estimativa da polícia é de que essa seja a maior apreensão da droga já realizada em Santa Catarina.

A polícia acredita que a droga, que tinha como origem Mato Grosso do Sul, tinha como destino o litoral catarinense. Foram dois dias de busca para chegar ao caminhão, conforme a polícia.

O condutor do caminhão, de 35 anos, foi autuado em flagrante por tráfico. Ele não tinha passagens policiais. Segundo a PRF, o motorista alegou que não sabia que transportava drogas e que não acompanhou o carregamento do caminhão.

Veja fotos da matéria

Fonte: G1

Mais notícias