13/04/2019 02:31 (atualizado em 13/04/2019 02:46)

Policia deflagra "Operação Lata Velha" e prende cinco pessoas por associação criminosa em São Miguel do Oeste Investigação aponta que grupo está diretamente envolvido com tráfico de drogas na região.

A Polícia Civil do Estado de Santa Catarina, por intermédio da Divisão de Investigação Criminal de Fronteira (DIC/FRON) de São Miguel do Oeste, deflagra “Operação Lata Velha” e prende de 5º (quinto) integrante de associação criminosa dedicada ao comércio ilícito de drogas

As investigações foram iniciadas há 3 (três) meses após a obtenção de informações dando conta de que estava em andamento esquema criminoso dedicado à distribuição de drogas, principalmente de “cocaína”.

Descobriu-se, inclusive, que adolescentes eram aliciados para participação no esquema a fim de buscar drogas no município de Chapecó para posterior comercialização em nossa região.

Após intenso trabalho investigativo e produção de vasta documentação, a Polícia Civil solicitou ao Poder Judiciário a expedição de mandados de prisões temporárias e de 7 mandados de busca e apreensão para alvos residentes em São Miguel do Oeste.

Na última terça-feira (9), o primeiro integrante da associação criminosa investigada, foi preso pela Polícia Militar de São Miguel do Oeste durante abordagem, ocasião em que foram apreendidos 6 (seis) invólucros de “cocaína”. Em ato contínuo, mais uma porção de “cocaína” foi apreendida na residência do suspeito. Ante as circunstâncias, o suspeito foi encaminhado para a Delegacia de Polícia de Comarca de São Miguel do Oeste, tendo a Polícia Civil autuado o conduzido em flagrante pelo crime de tráfico de drogas.

No dia seguinte (10), equipes de Policiais Civis da Divisão de Investigação Criminal de Fronteira (DIC/FRON), Delegacias da Comarca de SMO e  Paraíso e ainda, da DPCAMI de São Miguel do Oeste, com apoio do Pelotão de Patrulhamento Tático e do Canil da Polícia Militar, foram designadas para cumprimento das ordens judiciais em São Miguel do Oeste e ainda, 3 mandados de prisões temporárias. Na ocasião, foram apreendidos uma pistola de calibre .380, mantida em casa de forma irregular, com as respectivas munições, pequena porção de “maconha”, uma munição de fuzil de calibre restrito 7,62x51, balança de precisão, entre outros objetos de interesse para a investigação.

Dando sequência à investigação, na tarde desta sexta-feira (12), Policiais Civis cumpriram mandado de prisão temporária em desfavor de uma mulher apontada como o 5o integrante da associação criminosa, prisão que é decorrente de informações contundentes no sentido de ela efetivamente possui participação no esquema criminoso. Oportuno registrar, que a solicitação da prisão cautelar da mulher, foi realizada no final da tarde de ontem pela Polícia Civil, por meio de DIC/FRON/SMO, tendo como base elementos de prova, e após célere manifestação do Ministério Público e decisão da Autoridade Judiciária, a medida cautelar foi decretada.

A investigação contou com apoio imprescindível da Polícia Rodoviária Federal, Policiais da Delegacia da Comarca de São Miguel do Oeste e Agentes do Departamento de Administração Prisional - UPA de São Miguel do Oeste. Para execução dos mandados e diligências outras, houve efetiva participação de Policiais Militares do Pelotão de Policiamento Tático e do Canil da Polícia Militar.

O nome da Operação deve-se ao fato de uma oficina ser indicada como ponto de comercialização de drogas.

Veja fotos da matéria

Fonte: WH Comunicações com informações da Polícia Civil

Mais notícias