01/02/2019 11:41

Incêndio atinge fábrica de urnas funerárias e causa prejuízo de R$ 1 milhão em Cunha Porã As chamas afetaram 600 metros quadrados da fábrica, que possui aproximadamente dois mil metros quadrados.

Foto: Corpo de Bombeiros

Na noite de quinta-feira (31),  a guarnição do Corpo de Bombeiros de Cunha Porã foi acionada para combater incêndio de grandes proporções na fábrica de Urnas Funerárias Minozzo, localizada às margens da BR-158, na entrada da Linha Sabiazinho.  Ninguém ficou ferido. A fábrica era responsável por aproximadamente 20 empregos no local.

De acordo com a empresa, o prejuízo estimado é de R$ 1 milhão de reais, já que o fogo consumiu a estrutura e os caixões que estavam no local.

Segundo o Corpo de Bombeiros, a guarnição do socorro foi acionada por volta de 22h50, mas chamas já estavam alastradas por boa parte da edificação. Como o incêndio já estava grande, foram acionadas as guarnições de Maravilha, Saudades e Palmitos. Havia risco de desabamento da estrutura.

O combate ao fogo e rescaldo seguiu por cerca de quatro horas, com 50 mil litros de água utilizados. As chamas afetaram 600 metros quadrados da fábrica, que possui aproximadamente dois mil metros quadrados.

O QUE DIZ O PROPRIETÁRIO

O proprietário, Carlos Alberto Minozzo, de 57 anos, conversou com o Corpo de Bombeiros após o trabalho de rescaldo. Ele conta que o fogo destruiu várias urnas que estavam prontas para ser entregues, material para pintura, entre compressores de ar, máquinas especiais de costura, material para videomonitoramento e eletrônicos.

Trabalharam na ocorrência sete bombeiros militares, dois bombeiros civis profissionais e nove bombeiros comunitários.

Foto: Corpo de Bombeiros

Veja fotos da matéria

Fonte: Corpo de Bombeiros / WH3

Mais notícias