04/12/2018 08:52

Rossi e Fabiano só ficarão no Inter com novos empréstimos, diz Melo Colorado tem tido dificuldade para negociar renovações.

Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação

Terminado o Campeonato Brasileiro, a direção do Inter trabalhará em duas frentes. Ao mesmo tempo em que buscarão reforços, os dirigentes vão tentar garantir as permanências de jogadores com contrato encerrando no final do ano. Em relação a Fabiano e Rossi, o vice de futebol colorado Roberto Melo afirmou que a dupla só seguirá no Beira-Rio se houver possibilidade de prorrogar os empréstimos.

A situação de Rossi é a mais complicada. O valor estipulado para o jogador ser adquirido pelo Inter é de 4 milhões de euros. Dessa forma, é pouco provável que o Shenzhen FC, da China, aceite um novo empréstimo. “A nossa ideia sempre foi de prorrogar o empréstimo. Para a permanência em definitivo é um valor alto e não temos esse investimento para ser feito. Estamos tentando a prorrogação por empréstimo. Não conseguimos até o momento e o jogador talvez tenha de se apresentar lá em janeiro”, afirmou Melo.

Em relação a Fabiano, o Inter é mais otimista. O Colorado iniciou as tratativas com o Palmeiras e espera um desfecho positivo. “É desejo dele permanecer e nosso é que ele fique. Estamos tentando resolver isso da melhor maneira para manter o jogador sem ter de fazer esse desembolso, pois sabemos do orçamento limitado do clube’, afirmou.

Além de Fabiano e Rossi, Wellington Silva também tem contrato de empréstimo se encerrando no final do ano. O Inter já iniciou as tratativas com o Fluminense e pode incluir o meia Camilo no negócio para ficar com o atacante.

Veja fotos da matéria

Fonte: Correio do Povo

Mais notícias