10/10/2018 13:48

Polícia Militar adotará mesmo esquema de trabalho para o segundo turno das eleições 2018

A Polícia Militar de Santa Catarina registrou durante o dia das eleições 153 ocorrências, das quais 73 foram eleitores flagrados cometendo crimes eleitorais que incluem boca de urna, divulgação de propaganda, corrupção eleitoral, desacato a autoridade, coação e transporte ilegal de eleitores.

Em Morro da Fumaça, um eleitor foi preso por quebrar uma urna eletrônica com uma marreta. As mídias não foram danificadas e a votação seguiu normalmente após a substituição por uma urna de contingência.  Os votos foram todos contabilizados.

De acordo com comandante da 9ª Região o tenente coronel Alexandre Cabral, na região Oeste a Polícia Militar envolveu cerca de 350 policiais militares envolvidos na operação de eleições.

O comandante do batalhão, explica que a Polícia Militar desenvolveu ações relativas ao pleito, entre elas, barreiras, vistorias em bares e similares. "Além de prestar o apoio à Justiça Eleitoral para averiguação de denúncias envolvendo propaganda eleitoral", explica.

A Polícia Militar trabalhará da mesma forma neste segundo turno nas eleições, porém, com adequações de horários.

Fonte: Rádio Progresso

Mais notícias